O Mestre dos Mestres

O Mestre dos Mestres
M. Ueshiba - O Sensei - Grão Mestre

Vídeo - Aikido Infantil

Loading...
Google

Visita à Passo Fundo em 26/02

SEJA BEM VINDO

Este Blog é dedicado às pessoas cuja motivação de vida seja o crescimento como ser humano. Admitindo-se que este passa pela opção de valorizar o SER em detrimento do TER e também pela difícil opção consciente que todos os grandes mestres pregam, que é a necessidade de priorizar em primeiro lugar o seu ser, pois este só poderá ser produtivo para os outros na medida em que estiver bem nos planos; físico, mental e espiritual.

Para publicar comentário, em um dos Post, CLIK em comentários, abaixo do texto escolhido.
POSTAGENS
Logo abaixo você sempre encontrara os três ultimos textos publicados.
Para recuperar textos mais antigos, navegue até o final do Blog e clik no link "Postagens mais antigas"

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

         NOSSOS DOIS CÉREBROS



Durante as últimas duas décadas se tem tratado de entender a origem do PROCESSO CRIATIVO.
Foi perguntado a mais de 10,000 pessoas exatamente esta pergunta:
De onde obtém suas melhores idéias?
As respostas obtidas foram surpreendentes, especialmente considerando todo o tempo do dia que as pessoas passam no seu trabalho:

97% Durante :

·         o banho
·         Antes de dormir
·         Quando não faço nada
·         Quando caminho
·         Conversando
·         Meditando
·         Analizando
·         Nas férias
·         tomando vinho
·         Em outras atividades diversas...
        
         E 3% no trabalho.

Quando tem suas melhores idéias? Por que isto acontece?
Temos mais de um cérebro*… Um “faz nosso trabalho”.
O outro se encarrega de gerar idéias criativas que não tem nada que ver com o trabalho..

Platão foi o primeiro a postular, no mundo ocidental, a idéia de que há dois aspectos distintos na mente humana.
A um destes aspectos chamou “Logistikon”, a parte racional do ser humano.
Ao outro chamou “Nous”, a parte intuitiva das pessoas.

No Mundo Ocidental, a maioria das pessoas não tinham idéia do que Platão queria dizer com a sua teoría dos dois cérebros e basicamente a ignoraram por centenas de anos ou mais.
Em contrapartida, no Oriente, as pessoas entenderam os princípios do lado esquerdo e direito do cérebro à sua própria maneira.
Depois veio A Era da Razão, seguida da Era Científica, e a gente começou a ter curiosidade acerca do que fazia que as coisas funcionassem … inclusive o cérebro.
No Século XIX, os cientistas começaram a especular a respeito, até que se deram conta de que o cérebro parecia estar composto por duas metades ou “hemisférios”, os quais provavelmente controlavam diferentes aspectos do organismo humano.

Com o passar do tempo, uma série de teorias começaram a ser criadas sobre os “dois cérebros” muitas das quais estavam dentro do que Platão havia definido há 2.000 anos…

lado esquerdo está associado com o intelecto, e está relacionado com o pensamento convergente, abstrato, analítico, calculado, linear, sequencial e objetivo - se concentra nos detalhes e nas partes do todo.
Este lado produz pensamentos que são diretos, verticais, sensíveis, realistas, frios, poderosos e dominantes. Os engenheiros têm fama de usar este tipo de pensamento…

lado direito está associado com a intuição e está relacionado com o pensamento divergente, imaginativo, metafórico, não-linear, subjetivo e se concentra no TODO das coisas.
Este lado produz pensamentos que são flexíveis, divertidos, complexos, visuais, diagonais, místicos e abstratos.

Os artistas, músicos, inventores, e empreendedores têm fama de usar este tipo de pensamento (junto com algum dos rebeldes companheiros seus de trabalho, dos quais VOCÊ podes ser um deles…)
Quando uma pessoa está no trabalho, a maior parte do tempo usa o lado esquerdo do cérebro. Se concentra nos detalhes, em tratar de encontrar o problema, em tratar de obter informação e feitos.
Lógica, praticidade e ordem são as leis do dia.

Afinal, isto não é tão mau, já que uma vez que o lado esquerdo do cérebro fez o seu trabalho, todo o “trabalho pesado”, aí o lado direito pode emergir e criar uma idéia totalmente diferente, uma possibilidade fora dos padrões estabelecidos.
Mas deve-se tomar em conta que o lado direito do cérebro é “tímido”.

…Não chegará e se porá a fazer o que tão bem sabe fazer…
Necessita ser convidado a funcionar.
Então, como convidamos o lado direito do cérebro a funcionar?
…Fazendo atividades que o lado direito controla !

…por exemplo…

Sair para passear
Exatamente isto: vá caminhar, dar uma volta, inclusíve pular ou correr.
Praticar uma arte marcial como o Aikido.
Quando seu corpo se move, seu lado direito se ativa.
…Sabia que Mozart fazia exercício antes de compor?
Escute música, dance.
Ou, melhor ainda, toque...
Especialmente música sem letra ou cantada numa língua que você não entenda.
Yokimura Nakamatsa, inventor japonês com mais de 2.000 patentes registradas, escuta a nona sinfonia de Beethoven antes da fase de execução de seus projetos.

Desenhe, ou faça esculturas, pinte ou faça algo assim.
Faça representações visuais de seu objetivo ou ideia.
Use o humor! “Ahá” e “ha,ha, ha” estão muito conectados.
O riso o libera da tiranía da lógica e da linearidade.
Mude seu look.
Mude o aspecto do seu espaço de trabalho, mas respeitando as normas de onde trabalha.
Pregue posters inspiradores. Reordene sua estante. Mova qualquer coisa que renove a “ordem” de sempre.
Visualize a solução que tanto está batalhando para encontrar racionalmente. 
(Veja com os olhos da mente…)

“Raramente penso só com palavras.” Albert Einstein

Não faça nada. Reflita. Medite. Interiorize. Saia do problema.

Por que relutamos em ativar nosso lado direito do cérebro?
1. Para não ter que esperar até sair do trabalho para ter uma boa idéia
2. Para não ficar limitado a somente o racional e linear do lado esquerdo.

Necessitamos de ambos: do lado esquerdo e do lado direito
O truque é: saber como nos mover fluidamente de um lado para o outro com facilidade.

Funções do lado esquerdo do Cérebro:
·         emprego da lógica
·         orientado a detalhes
·         baseado em feitos,
·         palavras e linguagem
·         presente e passado
·         Matemáticas e ciência pode compreender o conhecimento reconhece ordem/percepção de modelos. 
· Conhece o nome de objetos baseado na realidade formas de estratégias, prático, seguro.

Funções do lado direito do Cérebro usa os sentimentos orientado a ver o panorama geral imaginativo símbolos e imagens presente e futuro, filosofia e pensamentos abstratos  e fantasiosos podem ampliar:
·         crê
·         aprecia
·         percepção espacial
·         sabe a função dos objetos
·         baseado na fantasia
·         apresenta possibilidades
·         impetuoso
·         assume riscos


 BOM EXERCÍCIO!!!


Autor desconhecido

Nenhum comentário: